Eu Li: Ainda Não Te Disse Nada

Estou completamente emocionada com a leitura desse livro nacional. Se eu fosse defini-lo com uma só palavra, seria encantador. Mas também posso dizer, romântico, emocionante e cheio de surpresas. Ainda Não te Disse Nada é um livro desses que você lê sem compromisso, esperando algo apenas bom, mas termina a leitura admirado porque ele é lindo demais. Fiz uma resenha sem SPOILERs, então leia sem perigo! 

O livro é narrado em terceira pessoa e conta sobre a vida de Marina Albertini, uma descendente de italianos, do interior de São Paulo, que deixou a família e foi tentar a chance na cidade grande. Marina trabalha numa agencia dos Correios enquanto faz faculdade de Moda – seu grande sonho e talento. Marina nunca quis ser uma mediadora de histórias e sempre quis VIVER uma grande história. Em SP, ela conta com duas amigas muito loucas, Thais e Francesca, que também fazem faculdade com ela e sempre estão a postos para ajudá-la e ir para as baladinhas e a senhora que trabalha com ela na agência, além de um vizinho adolescente muito figura. Acho que me identifiquei muito com Marina pelo bom humor dela, a forma de encarar a vida... aquele romantismo que tentamos esconder... O gosto musical bem eclético e a paixão por moda!

O livro tem uma história linda e bem diferente. Marina é muito romântica e fica encantada quando descobre o trabalho de uma moça que, de certa forma, resgata o romantismo tão difícil de encontramos nessa era de internet – quando ninguém mais escreve cartas de amor. E o livro é sobre isso: o amor. O amor sem impedimentos, o amor verdadeiro, o amor que resiste ao tempo e ao espaço. Gostei muito porque o romantismo do livro poderia transformá-lo em algo piegas e difícil de se acreditar, mas a forma com que ele foi desenvolvido, torna a historia muito singela e ao mesmo tempo atual e possível. É de certa forma um resgate ao amor, um conto de fadas... Desses que aparecem mil empecilhos para o final feliz e torcemos para que ele ocorra, mesmo parecendo impossível.

Achei que o Maurício foi de uma sensibilidade genial ao desenvolver o enredo. Ele mistura bem esses elementos românticos – as cartas, com partes bem dinâmicas e atuais – a faculdade, as baladas, as amigas. Gostei de todos os personagens, especialmente o vizinho de Marina, o divertido Otavinho.
- Como diria Bob: "Baby, por favor pare de chorar" - emendou Otavinho, dando um leve soco no ar.
- Bob Esponja... - Marina olhou seco para as duas.
- Bob Esponja disse isso? - perguntou Francesca.
- Bob Dylan - respondeu Otavinho.
- Ah.
A leitura é bem tranquila, os capítulos são bem curtos e os diálogos tornam a leitura bem fluente. O livro também é recheado de referências musicais e um pouco de cultura geral... Passamos por Itália, Portugal, França e ainda nos deliciamos com uma história de amor tão linda e improvável que dá gosto de acompanhar. A trilha sonora com músicas italianas e portuguesas também foge do nosso 'comum'. 
- E há uma coisa pior, que eu nem contei ainda. Ele é gêmeo.
- E daí? Eu sou virgem.
- Não tô falando de signo, ô lerdesa.
- Ele tem um irmão gêmeo?
- Pois é. E que, por acaso, vem a ser meu irmão também.
É difícil eu chorar com a leitura, mas esse livro me fez chorar em pelo menos 3 momentos porque ele é totalmente emocionante e faz você se envolver com as história de uma forma que só chorando para extravasar. Teve um acontecimento que eu fiquei tão abalada que quase quis bater no autor por ele fazer aquilo, mas no fim, se mostrou algo importante para desenvolvimento e crescimento da protagonista. E eu chorei muito! O final me deixou com vontade de saber mais, o que viria a seguir, mas foi muito esclarecedor!

Se você quer ler um romance sensível, com uma história vezes divertida, outras emocionantes e fofas, aproveite Ainda Não te Disse Nada, aposto que você vai se encantar pela história e ela fará surgir em você aquele sentimento de 'sim, é possível'...  E essa capa diz TANTO sobre a história! A revisão também é praticamente perfeita! Parabéns à equipe!

Tem promoção aqui no blog valendo o livro e Ipad2.

Se você não quer esperar para ler e quer comprar o livro autografado por um preço promocional e com frete incluso, clique no link abaixo:

10 comentários:

  1. Olá, Evellyn!
    Eu acho que é a primeira vez que vejo uma resenha deste livro e devo dizer que suas impressões bem positivas a respeito só me fez deixar ainda mais curiosa. Quero muito acompanhar e me emocionar com o livro e espero ter a oportunidade de ler algum dia.
    Bjos.

    Mariana Ribeiro
    Confissões Literárias.

    ResponderExcluir
  2. Você me convenceu totalmente a ler esse livro! Sério, eu sou muito romântica e livros assim me fazem viajar! *-*

    Beijos

    Amigas entre Livros

    ResponderExcluir
  3. Até que fim uma resenha que me deu uma visualização melhor sobre este livro do Maurício Gomidy... Já tô começando a ficar cansado de coisas do tipo ''Sinopse recontada + Legal, gostei muito, você tem que ler...''.

    Eu quero entender a proposta do livro, o que ele aborda, o que ele passa... E, graças à Deus, as suas resenhas são assim.

    Pela capa, eu já esperava algo deste estilo mesmo: Simples, sentimental e encantador. Acho que são aqueles casos onde ela diz tudo sobre o livro, mesmo não revelando nada.

    Agora fiquei curioso para ler ''Ainda Não Te Disse Nada''!

    Henri B. Neto
    ''Na Minha Estante''

    ResponderExcluir
  4. Eu tô com muita vontade de ler esse livro, a maioria das resenhas que li foram positivas!!
    Adorei sua resenha, Eve! :)
    Beijos!

    ResponderExcluir
  5. Acho que não vai ser possível encontrar uma resenha negativa sobre esse livro, o que só aumenta minha necessidade em lê-lo.
    Romances são meus livros favoritos e esse deve ser tão emocionante que não posso não lê-lo!
    Adorei sua resenha, ficou super apaixonada!
    E quero descobrir como a capa tem tanto a ver assim com a história ^^
    Beijão!

    ResponderExcluir
  6. Realmente livro lindo lindo lindo!!! *__________*
    Minha próxima resenha!!!
    E concordo com vc, o Mauricio esbanjou sensibilidade, ao contrário do personagem do primeiro livro dele "O mundo de vidro" em que o rapaz era um 'safado' huahuahuahuah
    Beijosss

    ResponderExcluir
  7. Com certeza esse é meu livro nacional preferido. Eu simplesmente amei.
    Ain, tem umas tiradas engraçadas. Por exemplo, essa do Otavinho e outras...

    Beijos,
    Mandi - Book and Cupcake

    ResponderExcluir
  8. Os adultos vivem dizendo que a adolescência é um dos perídos mais
    marcantes da vida. Mais o que o adolescente pensa disso? (sinopse do meu blog)
    Acessa o meu blog?
    "Blog de uma adolescente"

    http://blogdeumagarotaadolescente.blogspot.com/

    Espero a sua visita, se gostar do meu blog, segue lá, ficarei muito feliz.
    Desde já obrigada, tenha uma ótima semana.
    Atenciosamente Tainã Almeida.

    ResponderExcluir
  9. A experiência que eu tive lendo Mundo de Vidro do Mauricio Gomyde foi ótima, eu realmente não esperava um livro tão bom *-* E agora estou super ansiosa para ler esse livro, parece ser muito bonito. Só não gostei de saber que o final com um gosto de você querer saber o que acontece, porque isso também teve em Mundo de Vidro e me deixou um bom tempo imaginando AHSUASHUAHSUA Eu realmente queria comprar agora, mas estou com muitos livros aqui e sem dinheiro para isso D: AHSUAAHSUAHSU Obrigada pela resenha, beeijos!

    ResponderExcluir
  10. Oieeee...
    tem selinho pra você no blog, flor!

    Beijos
    Mandinha
    /minhasconfissoesfemininas.blogspot.com/

    ResponderExcluir

- Adoro saber a opinião dos leitores! Deixe seu comentário e eu responderei no seu blog, mas nada de comentários ofensivos hein?